Menu

20 de Novembro: Saiba a história do Dia Nacional de Zumbi e da Consciência Negra

O dia 20 de novembro no Brasil representa um importante momento da história  para grande parte da população, que é representada por negros e pardos. A data lembra a morte do líder Zumbi dos Palmares, que lutou pela libertação dos negros escravizados durante o período colonial no País.

O Brasil tem aproximadamente 1.209 comunidades quilombolas em 143 áreas já tituladas, segundo levantamento da Fundação Cultural Palmares, órgão do Ministério da Cultura. Elas estão em todos os estados, exceto no Acre, Roraima e Distrito Federal. As maiores populações de quilombolas estão na Bahia, Maranhão, Minas Gerais e Pará.

A adesão ao feriado ou instituição de ponto facultativo é decisão legal de cada estado ou município. Mais de 700 cidades já adotaram o feriado, quando é comemorado o Dia da Consciência Negra. Saiba quais cidades decretaram o feriado.

A data é considerada como uma ação afirmativa de promoção da igualdade racial e uma referência para a população afrodescendente dedicada à reflexão sobre as consequências do racismo e sobre a inserção do negro na sociedade brasileira. 

Caso seja sancionado pela Presidência da República o Dia Nacional de Zumbi e da Consciência Negra, será o primeiro feriado do País originário da mobilização do movimento negro e o nono feriado nacional, juntamente com as seguintes datas: 1º de janeiro (Confraternização Universal), 21 de abril (Tiradentes), 1º de maio (Dia do Trabalho), 7 de setembro (Independência do Brasil), 12 de outubro (Nossa Senhora Aparecida), 2 de novembro (Finados), 15 de novembro (Proclamação da República) e 25 de dezembro (Natal).

Zumbi

O dia 20 de novembro relembra a morte de Zumbi dos Palmares, que aconteceu em 1695. Zumbi foi um dos principais líderes do Quilombo do Palmares, em Alagoas, uma das áreas usadas pelos escravos quando fugiam do domínio dos senhores de engenho.

As primeiras referências à Palmares são de 1580, na região da Serra da Barriga, onde fica hoje o Parque Memorial Quilombo dos Palmares.  Há estimativas de que o quilombo resistiu a mais de 100 anos.

O líder do Quilombo dos Palmares, no final do século XV, era Ganga Zumba, tio de Zumbi. Em 1678, o governador da Capitania de Pernambuco ofereceu um acordo de paz a Ganga Zumba, que aceitou, mas nem todos concordaram. Aconteceu, então, uma rebelião, liderada por Zumbi, que governou o grupo por 15 anos. Foram necessárias 18 expedições do governo português, liderados por bandeirantes, para erradicar Palmares.

Zumbi adotou uma estratégia de defesa baseada em táticas de guerrilha. Os bandeirantes descobriram, por meio de um delator, o esconderijo do líder. E em 20 de novembro de 1695, eles mataram Zumbi em uma emboscada. Sem outra liderança, Palmares sobreviveu até 1710, quando se desfez. Desde 1995, Zumbi faz parte do panteão de Herois da Pátria.

Os quilombolas, nome dado atualmente aos descendentes dos moradores dos antigos quilombos, são reconhecidos e suas áreas são demarcadas. Assim, ajudam manter a tradição e a cultura negra.

Quilombolas

Os quilombolas são os descendentes dos habitantes dos quilombos. Em sua maioria, formada por escravos negros que fugiram do cativeiro na época da escravidão no Brasil. Eles escapavam dos engenhos de cana-de-açúcar ou fazendas de café e se refugiavam nos quilombos, locais de resistência e proteção.

 

Fonte: Portal Brasil

Informações: Fundação Palmares e Secretaria de Políticas da Igualdade Racial

Leia mais ...

I Fórum de Arquivos Públicos defende a preservação da memória

A Prefeitura de Ponte Nova, por meio do Arquivo Público Municipal, e a Associação dos Municípios da Microrregião do Vale do Rio Piranga/AMAPI realizaram, no dia 20 de novembro, o I Fórum de Arquivos Públicos Municipais do Vale do Piranga. O evento, que aconteceu no auditório da Associação, contou com o apoio da Câmara Municipal e do Conselho de Patrimônio Cultural de Ponte Nova e teve como tema “Arquivos Públicos Municipais: transparência governamental, acesso à informação, direito à memória e ao conhecimento para o exercício da cidadania”.

O secretário executivo da AMAPI, José Adalberto de Rezende, reforçou a intenção da Associação em atuar, ativamente, nas ações promovidas pelas prefeituras, em prol do aperfeiçoamento e capacitação. “As portas da AMAPI estarão sempre abertas. Nossa missão é levar a todos, possibilidades de crescimento e fortalecendo das cidades”, destacou. Já o vice-presidente da Associação e prefeito de Ponte Nova, Guto Malta, disse que o fórum serviu como espaço de discussão sobre a necessidade de criação de políticas públicas voltadas ao assunto. “Não há como falarmos de futuro sem fazemos a retomada de nosso passado, e os arquivos são fundamentais para esse processo. Temos que quebrar esse paradigma de não reverenciarmos a memória e não valorizarmos o passado. Só assim corrigiremos distorções históricas e poderemos avançar para o futuro”, destacou.

Na ocasião, o prefeito Guto Malta assinou o Decreto nº 9.728/2014, que determina o tombamento provisório do acervo histórico do Arquivo Público Municipal de Ponte Nova, de acordo com deliberação do Conselho Consultivo Municipal de Patrimônio Cultural e Natural de Ponte Nova. O acervo, produzido entre 1847 e 1998, abrange documentação da Câmara e da Prefeitura, além da documentação do Cartório do 1º Ofício do século XIX e uma raríssima coleção de jornais e fotografias.

Palestras 

A primeira palestra, intitulada “A origem da massa documental do Vale do Piranga”, foi proferida por José Geraldo Begname. Ele explicou sobre a formação do acervo documental da região do Vale do Piranga, que passa pelas histórias da Paróquia de São Sebastião, da Câmara e da Prefeitura de Ponte Nova, e dos trabalhos que foram feitos para a organização desse acervo ao longo do século XX.

A segunda palestra, “Implantação do Centro de Memória do Poder Legislativo”, foi ministrada pelo assessor de comunicação da Câmara Municipal de Ponte Nova, Ronaldo Fernandes Salomé. Como coordenador do projeto, o jornalista explicou que a implantação do Centro, datada do início de 2012, tem como finalidade resgatar a memória do Poder Legislativo, uma vez há muita lacunas em sua história. No momento, o projeto encontra-se em fase de campanha junto à população para coleta de documentos e de entrevistas com ex-vereadores.

A última palestra do fórum, sob o tema “Os Arquivos Públicos Municipais: ferramenta de gestão, espaço do conhecimento e da memória”, foi conduzida pela doutoranda em Ciência da Informação pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Cíntia Aparecida Chagas Arreguy. Ela dissertou sobre a importância dos arquivos municipais e a necessidade de se ter mecanismos de gestão de documentos para garantir o acesso à informação e preservar a memória institucional e da cidade.

Ao todo, cinco cidades da região (Ponte Nova, Alvinópolis, Dom Silvério, Guaraciaba e Viçosa) enviaram representantes, sendo a maioria servidores públicos das prefeituras ou câmaras municipais, além de profissionais que atuam no poder privado.

Com informações e fotos da Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Ponte Nova.

 

Clarissa Guimarães

Assessora de Comunicação da AMAPI

e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

www.amapi-mg.org.br

(31) 3881.3408

Leia mais ...

Cultura promove Roda de Saberes sobre religiões de matriz africana

Como parte das comemorações da Semana da Consciência Negra, a Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Semct) de Ponte Nova promoveu, nesta quarta-feira (19), no Hall da Prefeitura, Roda de Saberes com Mestres da Cultura Popular e da Religiosidade de Matriz Africana. O médium e vice-presidente do Centro Umbandista Caboclo da Mata Virgem (Mãe Fisica), Gustavo Silveira, representou a Umbanda, e Babalorixá Olegário de Iansã, Babalorixá Juliano D’Oxossi e Alabê Pedro de Ogum, do Centro Espírito São Cosme Damião, representaram o Candomblé.

Os presentes fizeram perguntas acerca das duas religiões, indagando sobre as peculiaridades de cada crença, rituais, sincretismo religioso (como no caso da Umbanda) e discriminação. Gustavo Silveira esclareceu: “Umbanda é uma religião originalmente brasileira, uma mistura de kardecismo, catolicismo, candomblé e preceitos evangélicos”. Já o Babalorixá Juliano D’Oxossi explicou: “Os orixás são elementos da natureza e há muito proximidade com o ser humano. O candomblé bebe das tradições africanas”.

O Babalorixá Olegário de Iansã destacou, na ocasião, que sua iniciação no Candomblé se deu há 40 anos. “É uma religião que preza o entendimento e o conhecimento e que me traz muitas alegrias. Acredito que todas as pessoas devem se entregar, verdadeiramente, a alguma crença”.

Destaque para as presenças do secretário da Semct, Emerson de Paula, e do presidente do Conselho Municipal de Promoção da Igualdade Racial (Compir), Jaime Augusto de Jesus.

 

Assessoria de Comunicação/ASCOM
Prefeitura de Ponte Nova
(31) 3819-5454 - ramal 235 / 3819-5485
www.pontenova.mg.gov.br / O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Leia mais ...

Novidade: associados podem contar com desconto em plano de saúde do Plano Família

Foto: Regislaine Neves e Júlio Sales (gerente e presidente da ACIP/CDL) com Cristian Tassi (administrador do Hospital Nossa Senhora das Dores)

A ACIP/CDL fechou neste mês uma parceria com o Plano Família, do Hospital Nossa Senhora das Dores (HNSD). A partir de agora, os empresários associados, seus colaboradores e dependentes podem usufruir do “Plano Família Empresa”, com preços diferenciados. No plano de saúde exclusivo para a ACIP/CDL, o desconto é ainda maior e não é exigida quantidade mínima de vidas.

Para mais informações, entre em contato com a ACIP/CDL, ligue (31) 3817-2492 ou envie um e-mail para O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo..

 

 

Leia mais ...

Ponte Nova ganha Praça da Democracia

O Projeto de Lei (PL) nº 26/2014, de autoria da Mesa Diretora da Câmara, denominando de Praça da Democracia a praça situada no entroncamento das avenidas Antônio Brant Ribeiro e Dr. Cristiano de Freitas Castro foi aprovado, por unanimidade, na reunião de 17 de novembro.

Tratando-se de um bem de uso comum da população viabilizado por iniciativa desta Casa, nada mais justo que a praça tenha um nome inspirado na tradição do poder legislativo como espaço democrático.

Desde o início de setembro, o espaço adjacente à sede do Legislativo de Ponte Nova está sendo revitalizado com projeto de paisagismo, compreendendo a construção de muro, escadas e a colocação de piso em determinados locais, além da instalação de equipamentos diversos para a prática desportiva, o plantio de árvores e gramado e iluminação. O término da obra está previsto para dezembro. O PL segue para sanção do prefeito Guto Malta (PT).

Leia mais ...

Procon adquire fones para atendimento telefônico

Com foco na melhoria da qualidade do atendimento e da saúde ocupacional dos servidores, o Procon Municipal de Ponte Nova adquiriu conjuntos contendo fones de ouvido com microfones e teclado. A iniciativa do órgão de defesa do consumidor permite que os atendentes ouçam as ligações com mais clareza, sem a interferência de ruídos externos, além de possibilitar maior liberdade para a execução de outras tarefas e movimentos.

Segundo a diretora do Procon, Cristiane Dias, os resultados positivos já podem ser notados. “Os servidores relatam produtividade superior nos atendimentos, melhora na postura e menor sensação de cansaço ao final do expediente”, disse.

 

Assessoria de Comunicação/ASCOM
Prefeitura de Ponte Nova
(31) 3819-5454 - ramal 235 / 3819-5485
www.pontenova.mg.gov.br / O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Leia mais ...

Participação popular marca audiência público do Plano Diretor Estratégico

Mais de 70 pessoas, entre cidadãos, representantes do Executivo e Legislativo municipal e de entidades/associações, participaram da audiência de abertura dos trabalhos de revisão do Plano Diretor Estratégico de Desenvolvimento Integrado e Sustentável (PLEDS), ocorrida na noite desta terça-feira (18/11), no Plenário da Câmara Municipal. O principal objetivo do Plano é orientar o planejamento e o crescimento da cidade, e a sua revisão busca dar diretrizes para atualizar importantes legislações, como as que se referem ao zoneamento, ao parcelamento do solo, à classificação de vias urbanas, ao Código de Posturas e ao Código de Obras, contando com a efetiva contribuição dos cidadãos.

Para o engenheiro sanitarista e ambiental Robson Ricardo Resende, da empresa Alto Uruguai Soluções Ambientais – vencedora da licitação para elaborar a revisão do PLEDS – as audiências são uma ferramenta de planejamento da população, de forma a atender seus maiores anseios. “O intuito das reuniões é que possamos nos munir desse conhecimento popular, ao invés de nos basearmos somente no conhecimento técnico. É o povo que entende, verdadeiramente, as especificidades do município”.

Em sua fala, o prefeito Guto Malta ressaltou que o atual momento é de dialogar com a cidade. “Não podemos nos abster da discussão que envolve a construção de uma cidade inteligente econômica, social, ambiental e politicamente. O envolvimento de todos é fundamental para que cheguemos a esse objetivo”, disse.

O secretário de Planejamento e Desenvolvimento Econômico, Paulo Roberto dos Santos, avaliou a audiência como muito positiva, sobretudo pela grande participação da população. “Esperamos que os cidadãos continuem acompanhando e participando do processo, uma vez que as etapas se estenderão até março de 2015. Afinal, esta é a oportunidade para pensarmos a cidade que queremos para o futuro”.

Além da abertura dos trabalhos de revisão do PLEDS, a Prefeitura realiza, nesta quarta-feira (19/11), às 19h, na Câmara Municipal, reunião com moradores da área urbana. Já na quinta-feira (20/11), às 19h, no prédio da Prefeitura Municipal (sala de licitação), será a vez da reunião voltada aos moradores das áreas semi-urbanas e rurais.

Compuseram a mesa de Audiência Pública, além do Prefeito e do Secretário de Planejamento e Desenvolvimento Econômico, o vice-presidente da Câmara de Vereadores, Anísio Filho, representando o presidente da Casa, José Rubens Tavares.

 

 

--

Atenciosamente,

Assessoria de Comunicação/ASCOM
Prefeitura de Ponte Nova
(31) 3819-5454 - ramal 235 / 3819-5485
www.pontenova.mg.gov.br / O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Leia mais ...

Rede de Lojas Integradas pretende criar uma nova visão para o comércio do Centro Histórico

Tem novidade para as empresas do Centro Histórico. A Rede de Lojas Integradas faz parte de um grupo de empresas que se uniram com o objetivo de realizar ações voltadas para o desenvolvimento econômico, social e cultural do Centro de Ponte Nova.

Serão realizadas várias ações de marketing com o objetivo de divulgar as empresas participantes. Entre elas estão a construção de um site e fanpage da própria rede, além de assessorias em campanhas promocionais onde haverá o envolvimento de todas as empresas participantes. Além disso, estas empresas terão acesso a consultorias gratuitas e treinamentos anuais para seus funcionários.

Um dos principais objetivos que identifiquei ao criar a Rede foi o de promover ações que possam resgatar a valorização do Centro Histórico. Com a participação ativa dos empresários associados à Rede e a parceria da ACIP/CDL, a expectativa é trazer uma nova visão para o comércio central e uma motivação a mais para empresários e sociedade de um modo geral. Várias ações já estão sendo preparadas para o final de ano em virtude do período natalino”, ressaltou o consultor Gleidson Fábio, responsável pela iniciativa.

 

Leia mais ...

Lançamento de Livro: Amor entre as Montanhas

A Secretária Municipal de Cultura e Turismo e a Chiado Editora têm o prazer de convidar Vossa Senhoria e Família para o lançamento do livro “Um Amor Entre As Montanhas”, de autoria do escritor Nilson Silva.
Data: 22 de novembro de 2014 (sábado)
Horário: Às 15:00
Local: Centro Cultural “Aníbal de Castro Vidigal - Estação Ferroviária” - Acaiaca/MG
Contamos com a sua honrosa presença.
 

Livro: “Amor Entre As Montanhas”
Autor: Nilson da Silva – E-mail:  < O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. >
Editora:Editora CHIADO – Portugal
Colecção: Viagens na Ficção
Páginas: 355
Data de publicação: Setembro de 2014
Género: Romance

 

Sinopse

Santiago e Virgínia apaixonam-se na adolescência, mas logo se separam pela necessidade de seguirem seu destino. O amor entre eles nasce em uma pacata vila rural de Mariana e depois de alguns anos volta com toda intensidade na belíssima cidade história de Ouro Preto. Ali em meio aos requintados casarões e vielas da época do barroco revivem toda a paixão interrompida alguns anos antes. Algum tempo depois Santiago acaba envolvido em movimentos de contestação da década de 70 e subitamente se vê na prisão em Belo Horizonte. Virgínia larga a universidade e reúne forças para lutar pelo grande amor de sua vida.

 

 

Leia mais ...
Assinar este feed RSS

Notícias Regionais

Brasil e Mundo

Ponte Nova

Colunistas

Serviços

  • Forgot your password?
  • Forgot your username?